As Misericórdias do Minho na Idade Moderna: Práticas e Contexto

palestramaio0

Teve lugar na Igreja da Miseric√≥rdia a palestra proferida pela Prof. Doutora Maria Marta Lobo Ara√ļjo, Catedr√°tica da Universidade do Minho, subordinada ao tema "As Miseric√≥rdias do Minho na Idade Moderna: Pr√°ticas e Contexto", que proporcionou o conhecimento da a√ß√£o das Miseric√≥rdias neste per√≠odo.

Com um discurso claro e fluido a Prof. Marta Lobo levou todos os presentes a percorrer um per√≠odo hist√≥rico onde as Miseric√≥rdias tinham pr√°ticas diversas para responder aos problemas com que se deparavam. Ficou claro o dinamismo das Institui√ß√Ķes e a sua proximidade √†s popula√ß√Ķes.

A Prof. Doutora Marta Lobo prendeu a atenção de todos, pelo seu conhecimento e facilidade de comunicação, despertando o interesse de todos pela realidade secular das Misericórdias.

Concerto da Paix√£o

concertopaixao1

Decorreu no passado dia 9 de abril, pelas 21.30h, na Igreja da Miseric√≥rdia, o Concerto da Paix√£o que teve como participantes no evento a Orquestra de C√Ęmara do Conservat√≥rio de M√ļsica de Arcos de Valdevez, o Coro Juvenil do Conservat√≥rio e o Coro S√©nior da Universidade do Saber da Miseric√≥rdia Arcuense, sendo a orquestra e os coros dirigidos pelo Maestro Adriano Gon√ßalves na interpreta√ß√£o da obra de Jacob de Haan ‚ÄúMissa Brevis‚ÄĚ.

Na primeira parte do concerto a Orquestra de C√Ęmara do Conservat√≥rio acompanhou a soprano S√≠lvia Pinto que interpretou um conjunto de obras, entre elas a ‚ÄúAve Maria ‚Äú de Michael Loreno. Com uma Igreja repleta, assistiu-se a um concerto em que os interpretes frequentam uma Institui√ß√£o de m√ļsica concelhia tendo deixado evidente a qualidade do trabalho que a√≠ √© desenvolvido.

A Miseric√≥rdia, atrav√©s da respons√°vel pelas atividades culturais, Dr. L√ļcia Afonso, sentiu-se grata pela qualidade do espet√°culo e pela ades√£o que o mesmo suscitou junto da popula√ß√£o arcuense nesta quadra Pascal.

A Assembleia Geral da Misericórdia

assembleiamarco2

Realizou-se no passado dia 31 de mar√ßo a Assembleia Geral da Miseric√≥rdia. No √Ęmbito da Ordem de Trabalhos constava a an√°lise e aprova√ß√£o do Relat√≥rio de Atividades e Contas relativos ao ano de 2021. Juntamente com os Relat√≥rios foram apresentados os pareceres do Revisor Oficial de Contas e do Conselho Fiscal que eram favor√°veis √† aprova√ß√£o dos dois documentos. Com uma gest√£o de mais de sete milh√Ķes e seiscentos mil euros e um resultado l√≠quido positivo de mais de cento e oitenta mil euros a Assembleia Geral aprovou por unanimidade os documentos apresentados ap√≥s a apresenta√ß√£o efetuada pelo Provedor da Institui√ß√£o.

No decurso da Assembleia, com uma presença significativa de Irmãos, foram analisados e aprovados os restantes assuntos que se revelavam de interesse para a vida da Instituição.

Santa Casa da Misericórdia

de Arcos de Valdevez

Complexo Vilagerações

Santa Casa da Misericórdia de Arcos de Valdevez

Rua Comendador Dr. Francisco Rodrigues de Araújo, nº 146

4970-600 Arcos de Valdevez

Tel: 258 510 110

Fax: 258 510 119

Email: geral@scmav.pt

Please publish modules in offcanvas position.